Você é o Cara?

Os eventos da vida não têm um significado próprio, nós é que damos significado a eles, 90% do significado depende dos nossos pensamentos, atitudes e ações.

Não há maior prova disso do que o feedback que recebemos quando trabalhamos com comunicação. Como coach, escrevendo textos, fazendo cursos, palestras, treinamentos sou surpreendido com comentários que não representam exatamente o que eu quis dizer, cada um entende diferente. Isto que foi entendido pelo outro frequentemente é também muito interessante. Comunicação não é o que você emite, mas sim o que o receptor assimila.

Então, cabe a cada um aproveitar da melhor maneira o que lhe acontece na vida.

Nosso caráter, nossa atitude, nossos conhecimentos e nossos objetivos vão moldar o que captamos do que acontece à nossa volta e determinar nossa reação a isso.

Certa ocasião, eu ainda era adolescente, houve uma enchente em minha cidade e muitos tiveram perdas materiais.

Logo que o nível da água baixou eu saí andando pelo centro e estava tudo cheio de lama com a marca da água nas paredes a quase dois metros de altura.

Entrei numa loja de discos (discos de vinil) e dava dó de vê-los cheios de lama, tínhamos com eles uma relação diferente do que se tem hoje. O dono da loja estava vendendo-os por preços realmente baixos e eu comprei obras muito boas. Imagine conseguir algo quase impossível para mim, já que comprei todos os melhores discos da minha adolescência em um mesmo dia.

Fui para casa e tive que lavá-los, tirando o barro sem riscá-los.

Entre todos estes tesouros estava também um disco de um grupo que eu não conhecia, mas foi este que teve mais valor para mim. Havia uma música que ficava perguntando para mim: “Você é aquele cara que as pessoas dizem ou você é diferente, sendo você mesmo?”.

Isto me fez refletir e foi muito estimulante para vencer meus desafios.

Claro que, voltando ao que eu disse no início do texto, se alguma outra pessoa ouvir a música ou ler a letra talvez não entenda o mesmo e nem dê a mesma importância, mas para mim teve alto valor.

E você? É você mesmo ou o que os outros determinam? Você nunca nem tentou? Você fica se escondendo? Você sabe pelo que está lutando, pelo que busca ao acordar todo dia?

Segue “minha” música para quem quiser se inspirar 😉

Anúncios