Dante, o Líder

Certo dia na natureza, todos os animais viviam sua rotina de correr para comer ou para não ser comido. Estavam no período de seca e poucos acumularam reservas, enquanto outros teriam que viver com o que o dia-a-dia lhes oferecesse, entretanto, ambos poderiam aproveitar as oportunidades que pudessem enxergar.

Eis que algo ruim se precipitou, iniciou-se um incêndio e a vegetação progressivamente ardia e era consumida pelas chamas. Instalou-se o caos, cada animal correndo para um lado, pânico, pisoteamento, filhotes perdidos, o desespero aumentava.

De repente surge Dante, um beija-flor que voava em direção ao fogo e depois se afastava, voava novamente em direção ao fogo e se afastava. Quem via a cena não entendia nada. Fizeram um esforço e por fim, conseguiram abordar o veloz beija-flor e perguntaram:

– O que você está fazendo?

– Estou apagando o incêndio! – Disse Dante com uma voz e um olhar obstinado de quem acredita que era a coisa mais óbvia a ser feita.

– Mas você não pode fazer isso, levando apenas algumas gotas de água no bico é impossível.

– Estou fazendo a minha parte!

Assim Dante encerrou a conversa e partiu novamente para sua veloz seqüência de idas e vindas. Ninguém acreditava no comportamento dele. Achavam o beija-flor louco, na verdade eles estavam paralisados pelo medo, mas racionalizavam para justificar o próprio comportamento: “Ele é louco”, ”O que ele quer é impossível”, “O destino quer que queime tudo”, “Ele está querendo aparecer”.

A situação era crítica e o beija-flor foi muito arrojado e não pôde planejar adequadamente. Foi pego por uma coluna de fumaça espessa, começou a tossir, sentir queimar o nariz e o peito, perder altura e viu tudo se apagar.

Em seguida, começou a ter uma sensação de euforia e perceber uma grande luz. Ouviu uma voz muito agradável e doce como mel:

– Dante, você sabe evitar as causas do fracasso, não culpando aos outros pelo resultado que você obtém. Não nega a existência dos problemas enquanto eles crescem e pioram e nunca reclama da situação, pois ela se apresenta igual para todos.

– Você conhece o caminho do sucesso, primeiro cuidando e aprimorando a si próprio, para que as pessoas possam contar com você. Depois, assumir grandes objetivos e ideias, planejando e, finalmente, colocando em prática.

– Mas você está abrindo mão de algo muito importante que pode te levar a outro patamar de resultado.

– O que seria isso? O que não estou vendo? – Perguntou Dante.

– A Liderança. Se você tem um grande objetivo, compartilhe, envolva, apóie, inclua, motive a todos.

Neste momento tudo se apagou, voltou a sentir-se mal, uma forte dor por todo corpo, havia caído no chão a uma boa distância do fogo e ainda estava em condições para voar.

Alguns animais se aproximaram para ver como ele estava e ele logo disse:

– Temos que lutar para preservar o que nos resta. Rápido, reúnam todos que encontrarem.

Usou o mapa mental da área que tinha por sobrevoá-la inúmeras vezes. Colocou as aves para sinalizar aos animais onde estava o fogo e como se afastar dele. Fez os animais maiores derrubar parte da vegetação para cria uma clareira e evitar o avanço do fogo. Coordenou os animais que pudessem levar água para apagar alguns focos de incêndio. Logo, alguns animais com o objetivo em mente tomaram a iniciativa em coordenar grupos menores e todos conseguiram conduzir o fogo para a extinção.

Assim que possível, comemoraram o grande feito.

Nasceu um líder.

Anúncios